Um hoteleiro de Singapura encontrou a clientela-alvo depois de exibir seu “albergue digital” exclusivo no Airbnb

Foto instantânea

  • Número de camas: 100
  • Primeiro anúncio no Airbnb: 2018
  • Benefício-chave: capacidade de mostrar a singularidade da propriedade
  • Outros resultados: melhor adaptação do hóspede através do Airbnb

 

Todos ficaram boquiabertos quando Vikram Bharati começou a contar seus planos: um centro de networking para empreendedores millennials dentro de um albergue, no coração de Cingapura. Ele imaginou um verdadeiro hot spot, onde nômades digitais e viajantes de negócios pudessem discutir ideias para suas novas empresas.

 

“Nossa missão é conectar, inspirar e capacitar os empreendedores do mundo”, afirma o ex-vice-presidente da JP Morgan, de 38 anos, sobre o Tribe Theory Venture Hostel. “Não somos apenas um lugar para as pessoas terem um espaço social acessível.”

 

Mas houve um contratempo. As agências de viagens tradicionais online, que representavam a maioria de suas reservas, tendiam a atrair o típico viajante com orçamento apertado – mochileiros de 19 anos que ainda estavam descobrindo o que queriam da vida – em vez dos empreendedores que ele realmente queria atrair. Os hóspedes que vêm do Airbnb, por outro lado, se encaixam perfeitamente, mas acabaram representando uma pequena fatia do total.

"As pessoas que vêm do Airbnb representam 100% do nosso público-alvo"

Vikram Bharati, Tribe Theory Hostel

“As pessoas que vêm do Airbnb representam 100% do nosso público-alvo”, declara Vikram. Elas se sentem confortáveis trabalhando remotamente, sabem usar tecnologia, têm experiência de viagem e são aventureiras. Eles entendem que a Tribe Theory, que se expandiu para outros locais na Ásia, tem foco na inovação. “Todos os hóspedes do Airbnb que chegaram aqui, chegaram sabendo que este é um espaço para isso”, diz ele.

 

Não demorou muito para Vikram identificar um grande fator por trás dos diferentes perfis de hóspede. A página detalhada do anúncio no Airbnb permite que ele ilustre a singularidade da Tribe Theory para hóspedes em potencial. Isso é fundamental, porque as propriedades da Tribe Theory não são albergues tradicionais.

 

A unidade de Cingapura tem três quartos em estilo dormitório, cada um com 10 “casulos” equipados com um colchão, cortinas para privacidade e iluminação própria. Um loft no terceiro andar oferece amplo espaço de trabalho e o grande pátio nos fundos serve para organizar eventos de networking e festas de lançamento. Uma empresa de capital de risco que investiu na Tribe Theory recebe propostas dos hóspedes. A visão de Vikram é oferecer esses e outros serviços para startups em cada uma das unidades da Tribe Theory.

A  página do anúncio dele descreve em detalhes como o “DNA do espírito empreendedor” permeia “cada tijolo e azulejo” do albergue. As agências de viagens online tradicionais não permitiam que ele fizesse isso e, como resultado, os hóspedes que chegavam através dessas agências tendiam a esperar uma experiência de albergue mais tradicional.

 

Por isso, Vikram decidiu transferir mais anúncios para o Airbnb. Ele trabalhou para conectar ao Airbnb o software de gerenciamento de propriedades que ele usava para seus outros sites. O novo software, juntamente com as novas funcionalidades que o Airbnb construiu especificamente para suportar hotéis, permitem que ele gerencie todas as suas camas a partir de um único local.

 

A Tribe Theory já não precisa de 10 anúncios separados no Airbnb para cada uma das 10 camas em seus quartos e a equipe não precisa manter manualmente o preço e a disponibilidade do que está no Airbnb consistentes com as publicações em outros sites. “Tudo está completamente sincronizado”, diz Vikram. “A produtividade dos membros da nossa equipe aumentou, porque passamos menos tempo fazendo atribuições manuais de camas.”

 

Nos últimos 12 meses, Vikram mais do que triplicou seu inventário no Airbnb. Ele agora está fazendo o mesmo em outros albergues que inaugurou recentemente, incluindo unidades de Bali e Bangalore. Até o final do ano, ele espera que a Tribe Theory esteja operando em 10 países – com dois ou mais albergues em alguns.

 

“Espero muito impulsionar e vender mais unidades anunciadas no Airbnb, porque os tipos de hóspedes que chegam através dele são ideais para nós”, declara Vikram. “Eles são mais ligados em tecnologia e estão procurando algo diferente do que está disponível em outras agências de viagens tradicionais online.”

 


 

Quer saber mais? Clique aqui para saber mais sobre hospedagens profissionais com o Airbnb.  

 

 

Receba novidades sobre hospedagem profissional com o Airbnb na sua caixa de entrada

Assinar